LIVROS E LIVROS

Ficção

Sergio Ballouk - Casa de Portugal
Casa de Portugal (Ciclo Contínuo Editorial, 2015) é o mais recente lançamento do escritor e poeta paulistano Sergio Ballouk, conhecido por suas publicações nos Cadernos Negros e por seu livro de poemas Enquanto o tambor não chama, de 2011. Em Casa de Portugal, Ballouk traz ao leitor a experiência contemporânea do negro na vida da metrópole, da relação dos sujeitos uns com os outros e com os bens de consumo. Não por coincidência, dois dos seus treze contos concentram-se, em maior ou menor medida, no espa...

Poesia

Rita Santana - Alforrias
Dois signos são fundamentais para quem se propõe a apresentar um trabalho literário, a empreender, senão enquanto estratégia, este ato inaugural de leitura: o título e a epígrafe do livro. Começo, então, pelo título do novo trabalho de Rita Santana – Alforrias, palavra marcada por um elemento da relação escravo/senhor, clímax de um movimento em direção à liberdade. Poderíamos pensar/dizer: trata-se de uma lírica de temática afrodescendente, e iniciar um percurso em busca dessa marca anunciada. Dela, no entanto, eclodem dimensões metafóricas que se estendem à condição ...

Ensaio

Dawn Duke - A escritora afro-brasileira
A escritora afro-brasileira: ativismo e arte literária(Belo Horizonte: Nandyala, 2016) é o mais recente livro organizado por Down Duke, Professora Associada de Espanhol e Português no Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas da Universidade de Tennessee (Knoxville). Duke é especialista em Literaturas Afro-latino-americanas e em Estudos Culturais. Escreveu também Literary passion: ideological commitment toward a legacy of women writers (2008), além de diversos artigos sobre etnicidade, gê...

Infantojuvenil

Lucimar Rosa Dias: Cada um com seu jeito, cada jeito é de um
Resultado de imagem para Cada um com seu jeito, cada jeito é de um   Em “Cada um com seu jeito, cada jeito é de um” (2012), Lucimar Rosa Dias situa a narrativa sobre uma menina muitíssimo especial, com suas sapequices e gostos peculiares de tão simples: gosta de pular degraus das escadas, de rodar no parquinho para lá e para cá; ela gosta de tantas outras atividades triviais, mas que deixam qualquer criança satisfeita e entretida. Esse movimento de simplicidade contribui com a edificação de um modelo para elaboração da identidade positiva na in...