DADOS BIOGRÁFICOS

Natural de Vitória, Espírito Santo, e residente em Santo André, no ABC paulista, Alcidéa Miguel de Souza, tem formação superior nos cursos de Artes e Música, e Pós-Graduação em Cultura, Artes e Educação. Atriz, musicista e escritora, há vinte e cinco anos atua como professora na Educação Infantil e no Ensino Fundamental e Médio, trabalhando com as disciplinas Artes, Música e Teatro, áreas em que também ministra palestras e trabalhos de formação. Além de compositora, no campo da música exerce ainda o canto, o ensino e a regência, ao lado de performances como saxofonista e violonista. Em 2016, lançou o CD Mais que maravilhoso, com dez canções em divide solo e autoria.

Ao lado de reflexões ensaísticas ligadas às artes, além de um volume de autoajuda, Alcidéa Miguel possui incursões marcantes na ficção. Em Eu também chorei na escola, investe no universo da leitura voltada para iniciantes e remete às próprias vivências na primeira infância e aos contatos iniciais com o universo escolar. Já no volume Sampa em contos e crônicas negras encena o cotidiano repleto de experiências de habitantes da metrópole cosmopolita e, ao mesmo tempo, conservadora, com histórias pungentes marcadas pelo cotidiano de exclusão e resiliência. Seu trabalho mais recente, o romance Um amor feito tatuagem, baseado em fatos reais, narra a história de um amor proibido entre dois músicos. A autora se faz presente também em antologias, com destaque para os volumes 38 e 40 da série Cadernos Negros, editada pelo coletivo Quilombhoje Literatura.

Sobre o seu processo de escrita a autora revela em entrevista à Revista Conexão Literatura: “Comecei escrevendo uma autobiografia, depois contos, romances, poesias e me vi totalmente imersa na escrita. Gosto de escrever histórias reais e inserir o leitor na história. Até o meu livro infantil Eu também chorei na escola é a minha história de quando pequena, o quanto chorei no portão do colégio querendo minha mãe.

Antes de ser escritora eu era fiel leitora. Colecionava livros, trocava livros com os amigos e amava ouvir as histórias que minha mãe e minha professora contavam. Quando me tornei escritora, continuei sendo leitora e me tornei contadora de histórias. Escrever passou a ser um grande prazer, sendo esse o meu motivo e minha fonte compartilhadora.

Minha vida mudou por meio da escrita, porque atualmente em todo tempo aspiro a escrever ao leitor. Minha alma se transformou em uma fonte inesgotável de criatividade que vem ao encontro da necessidade do público.

Os próprios leitores, a cada dia, me motivam a escrever mais, pois sugerem e solicitam os temas dos próximos livros.”

Em agosto de 2018, Alcidéa Miguel tomou posse na Academia de Letras da Grande São Paulo – ALGRASP – na cadeira 25 cujo patrono é Vinícius de Moraes.

Referência

MIGUEL, Alcidéa. A escritora, cantora e atriz Alcidéia Miguel. Entrevista concedida a Cida Simka e Sérgio Simka. Revista Conexão Literatura, 2019. Disponível em: http://www.revistaconexaoliteratura.com.br/2020/01/a-escritora-cantora-e-atriz-alcidea.html.

 


 

PUBLICAÇÕES

Obra Individual

Eu também chorei na escola, São Paulo: Editora Giostri, 2000. (infantil).

Sampa em contos e crônicas negras. São Paulo: Scortecci Editora, 2019.

Um amor feito tatuagem. São Paulo: Scortecci Editora, 2020. (romance).

Antologias

Cadernos Negros 38. São Paulo: Quilombhoje, 2015.

Cadernos Negros 40. São Paulo: Quilombhoje, 2017.

Tempo Insólito: Antologia de Poesias, Contos e Crônicas. São Paulo: Scortecci Editora, 2018.

Não ficção

Ainda há tempo para a esperança. São Paulo: Scortecci Editora, 2012. (autoajuda).

O artista é você. São Paulo: Nova Literarte, 2016. (paradidático).

Ser Mulher. São Paulo: Editora Scortecci, 2018. (crônicas, autoajuda).

Músico profissional versátil. In: Revista Folha Sinfônica, São Paulo, 01 maio 2010.

Educação Musical na terceira Idade. In: Revista Folha Sinfônica, São Paulo, 01 nov. 2014.

As diferenças sobre o ensino de música nos ensinos público e privado. Folha Sinfônica, São Paulo, 01 set. 2010.

Musicalizando pequeninos para Deus. In: A voz de Cristo, Grande ABC, 01 fev. 2017.

 

TEXTOS SELECIONADOS

 


 CRÍTICA

 


 FONTES DE CONSULTA

 


LINKS

Alcidéia Miguel de Souza

A escritora, cantora e atriz Alcidéia Miguel, por Cida Simka e Sérgio Simka

Alcidéa Miguel – Entrevistada

Alcidéa Miguel – Canal do YouTube

Alcidéa Miguel