Início

O Centro de Pesquisa ‘Comunicação Intercultural em Interações Multimodais’ é uma rede interinstitucional e internacional de pesquisadores que objetivam analisar a comunicação intercultural em interação a partir de uma perspectiva micro-analítica e multimodal, de modo a destacar como os interactantes coconstroem a alteridade, conceitos culturais chave, dimensões, atitudes linguísticas e identidades nos planos verbal, prosódico e corporal-visual. Atualmente, concentramos nossa atenção na emergência dos espaços interculturais que surgem como resultado do caráter entrelaçado das visões de mundo díspares que os coparticipantes trazem à interação, mas que estão simultaneamente posicionadas para se envolverem reflexivamente, engendrando algo novo. Desse modo, objetivamos aproximar os campos de pesquisas pragmáticas, conversacionais, sociolinguísticas e cognitivas, uma vez que a análise multimodal começa com sequências de interação concretas, bem como representa um ponto de acesso aos níveis conceptual e cultural. Em termos metodológicos, um de nossos métodos centrais é o registro em áudio e vídeo – e posterior transcrição – de interações interculturais, que ocorrem em cenários naturais, eliciados e institucionais, e a análise de tais interações à luz de teorias oriundas dos campos da Pragmática Contrastiva e Intercultural, da (Socio)linguística Interacional e da Linguística Cultural, bem como da Semiótica Social Multimodal.

O centro formou-se em dezembro de 2019 como resultado primeiro do projeto “Comunicação Intercultural em interação: abordagens multimodais”, financiado pelo WUN-RDF – Worldwide Universities Network Research Development Fund. O ICMI representa o grupo posterior ao grupo de pesquisa brasileiro “Comunicação (Inter)Cultural em Interação” – NUCOI, o qual começou suas atividades com um projeto piloto em 2010. Desde o começo, o objetivo basilar foi o de criar um corpus de filmagens e suas respectivas transcrições, baseadas em interações eliciadas, institucionais e naturais de participantes originários de diferentes culturas, assim como participantes com o mesmo pano de fundo linguístico e cultural, para propósitos de comparação. No momento presente, o corpus do ICMI (anteriormente, corpus NUCOI) consiste em aproximadamente 2.496 minutos de interações gravadas em vídeo, com o total de 56.164 unidades entonacionais. Hoje, o centro/grupo de pesquisa ICMI conta com pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (Brasil), da Universidade de Gießen (Alemanha), da Universidade de Potsdam (Alemanha), da Universidade de Alberta (Canada), da Universidade de Leeds (Inglaterra) e da Universidade de Sheffield (Inglaterra).

   
     

Apoio:

 

Assessoria de Relações Internacionais | [Clipping] DAAD – Research Stays  for University Academics and Scientists 2021 CAPES.png
 

Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais
Av. Antônio Carlos, 6627 Pampulha - Belo Horizonte/MG - CEP: 31270-901

© Copyright 2024 - Setor de Tecnologia da Informação - Faculdade de Letras - UFMG