Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos Literários (Pós-Lit)
  Seleção
Seleção
   
 

Edital do Processo de Seleção 2008

Programa de Pós-graduação em Letras: Estudos Literários da UFMG

A Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos Literários da UFMG FAZ SABER que, no período de 24/09/2007 a 05/10/2007, estarão abertas as inscrições para admissão ao Programa, em nível de Mestrado e Doutorado.

As inscrições para o Exame de Seleção deverão ser feitas pelo interessado, pessoalmente ou por procuração, na Secretaria do Programa, na sala 4019 da FALE/UFMG – Av. Antônio Carlos, 6627, CEP. 31270-901, BH/MG, no horário de 13:30 às 17:00 horas, de segunda a sexta-feira. Aceita-se inscrição também pelo correio com data de postagem até 05/10/2007. Não serão aceitas inscrições em que estejam faltando documentos, quaisquer que sejam, dos listados no item II deste edital.

I) As vagas para o 1º semestre de 2008 são as seguintes: 70 para o Mestrado (13 para a área de concentração Literatura Brasileira, 12 para a área de concentração Literaturas de Expressão Inglesa, 34 para a área de concentração Teoria da Literatura e 11 para a área de concentração Estudos Clássicos) e 44 para o Doutorado (38 para a área de concentração Literatura Comparada e 6 para a área de concentração Literatura Brasileira), vinculadas às seguintes linhas de pesquisa, cuja descrição se encontra disponível na Secretaria do Programa e em sua página web (www.letras.ufmg.br/poslit):
Literatura e Psicanálise (Literatura Brasileira no Mestrado: 1);
Poéticas da Modernidade (Literatura Brasileira no Mestrado: 4, Literaturas de Expressão Inglesa: 3, Teoria da Literatura: 10, Literatura Comparada: 12, Literatura Brasileira no Doutorado: 2);
Literatura, História e Memória Cultural (Literatura Brasileira no Mestrado: 5, Literaturas de Expressão Inglesa: 4, Teoria da Literatura: 12, Estudos Clássicos: 10, Literatura Comparada: 17, Literatura Brasileira no Doutorado: 3);
Literatura e outros Sistemas Semióticos (Literatura Brasileira no Mestrado: 1, Literaturas de Expressão Inglesa: 3, Teoria da Literatura: 10, Estudos Clássicos: 1, Literatura Comparada: 7, Literatura Brasileira no Doutorado: 1);
Literatura e Expressão da Alteridade (Literatura Brasileira no Mestrado: 2, Literaturas de Expressão Inglesa: 2, Teoria da Literatura: 2, Literatura Comparada: 2).

II) Para efetuar a inscrição ao Exame de Seleção, o candidato deverá apresentar os seguintes documentos:
a) fotocópia do certificado de aprovação na(s) prova(s) de língua estrangeira instrumental, realizada(s) pelo CENEX/FALE/UFMG para o Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos Literários da UFMG, dentro de seu prazo de validade;
b) formulário de inscrição, fornecido pela Secretaria do Programa, devidamente preenchido e assinado, e acompanhado de 3 (três) fotos 3x4;
c) para os candidatos ao Mestrado, fotocópia do diploma de Graduação, ou documento equivalente, ou outro documento que comprove estar o candidato em condições de concluir o curso de Graduação antes de iniciado o de Pós-Graduação, ficando a matrícula condicionada à apresentação de documento comprobatório da conclusão da Graduação;
d) para os candidatos ao Doutorado, fotocópia do diploma de Graduação e, para os candidatos que já têm o título de Mestre, fotocópia também do diploma de Mestrado, ou documentos equivalentes, ou de outro documento que comprove estar o candidato em condições de concluir o curso de Graduação antes de iniciado o de Pós-Graduação, ficando a matrícula condicionada à apresentação de documento comprobatório da conclusão da Graduação;
e) fotocópia do histórico escolar da Graduação e, para os candidatos que já têm o título de Mestre, fotocópia também do histórico escolar do Mestrado;
f) curriculum vitae, conforme o modelo aprovado pelo Colegiado e disponível na Secretaria do Programa e em sua página web (www.letras.ufmg.br/poslit), com comprovação de todos os itens. Os candidatos ao Doutorado deverão apresentar também fotocópia de todas as publicações relacionadas no seu curriculum;
g) fotocópia de carteira de identidade e CPF;
h)
prova de estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, no caso de candidato brasileiro (fotocópia de título de eleitor, comprovante de votação na última eleição ou comprovante de estar quite com a Justiça Eleitoral, e certificado de reservista); no caso de candidato estrangeiro, visto de estudante ou prova de residência permanente (apresentar fotocópia dos documentos);
i) 3 (três) vias impressas do projeto inicial de dissertação (para os candidatos ao Mestrado) ou 3 (três) vias impressas do projeto inicial de tese (para os candidatos ao Doutorado), devendo esses projetos ser elaborados de acordo com instruções do Colegiado do Programa, constantes dos itens V e VI deste Edital. Após análise da documentação apresentada, o Colegiado decidirá sobre o deferimento dos pedidos de inscrição. Em caso de indeferimento da inscrição, o candidato será notificado.

III) Instruções sobre a(s) prova(s) de língua estrangeira instrumental. As inscrições para as provas de língua estrangeira instrumental, a serem realizadas pelo CENEX/FALE/UFMG, deverão ser feitas na página web da FUNDEP (www.fundep.ufmg.br), no período de 30/07/2007 a 22/08/2007.
O candidato ao Mestrado deverá submeter-se à prova escrita eliminatória de uma língua estrangeira instrumental, escolhida dentre o elenco oferecido pelo Colegiado. O candidato ao Doutorado deverá submeter-se às provas escritas eliminatórias de duas línguas estrangeiras instrumentais, escolhidas dentre o elenco oferecido pelo Colegiado. Para os candidatos estrangeiros, excetuados os que tenham a língua portuguesa como língua pátria, também será exigido um exame eliminatório de Português, como língua instrumental. Nota mínima exigida em cada prova: 60 (sessenta). Serão dispensados dessas provas, a serem realizadas de 29 a 31 de agosto de 2007, apenas os candidatos aprovados na(s) prova(s) de língua estrangeira instrumental realizada(s) pelo CENEX/FALE/UFMG em novembro de 2006, para o Exame de Seleção do Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos Literários da UFMG.

IV) O calendário previsto para o processo de seleção é o seguinte:
IV.1) inscrições para as provas de língua estrangeira instrumental: 30/07/2007 a 22/08/2007;
IV.2) provas de língua estrangeira instrumental: Inglês: 29/08/2007, Francês: 29/08/2007, Espanhol: 30/08/2007, Italiano: 30/08/2007, Alemão: 31/08/2007, Português: 31/08/2007;
IV.3) resultado das provas de língua estrangeira instrumental: dia 10/09/2007;
IV.4) inscrições para o Exame de Seleção: 24/09/2007 a 05/10/2007, na Secretaria do Programa;
IV.5) resultado da avaliação dos projetos iniciais de tese e dissertação: a partir das 17:00 horas do dia 09/11/2007;
IV.6) provas escritas: às 14:00 horas do dia 14/11/2007;
IV.7) resultado das provas escritas: a partir das 17:00 horas do dia 23/11/2007;
IV.8) prova oral: 29/11/2007 e/ou 30/11/2007;
IV.9) resultado da prova oral, resultado da avaliação do curriculum e resultado final estão previstos para serem liberados a partir das 17 horas do dia 12/12/2007.

V) O Exame de seleção para o MESTRADO constará de quatro etapas.
V.1) Primeira etapa: Avaliação eliminatória dos projetos iniciais de dissertação, por banca examinadora designada pelo Colegiado e composta por três membros. Essa avaliação levará em conta as instruções do Colegiado do Programa para a elaboração de projetos de Mestrado, a saber: vinculação adequada a uma das Áreas de Concentração e a uma das Linhas de Pesquisa do Programa; Justificativa contendo uma delimitação clara do tema a ser estudado e as razões de sua escolha, além de uma revisão da literatura científica pertinente ao tema e da indicação do interesse ou relevância do estudo proposto para o desenvolvimento dos estudos literários em geral, ou para melhor conhecimento de um de seus aspectos em particular, ou ainda para aplicações práticas a problemas da realidade brasileira; Objetivos (metas) claramente expressos e desdobrados em gerais e específicos, se necessário; Metodologia contendo o referencial teórico-crítico da pesquisa e a explicitação da(s) linha(s) teórica(s) de abordagem do corpus ou objeto de estudo; as etapas metodológicas, com a discriminação das técnicas e procedimentos que deverão ser adotados no tratamento do assunto, em cada etapa do trabalho; em síntese, as diferentes linhas de ação propostas para se atingirem os objetivos; Plano, com a enumeração e descrição, na ordem provável, dos capítulos em que o tema poderá desdobrar-se; Cronograma para a execução do projeto de dissertação, observado o prazo máximo de 24 meses para o Mestrado, incluindo-se aí todos os requisitos regulamentares exigidos para a conclusão do curso; Bibliografia utilizada para a elaboração do projeto (conteúdo e metodologia), organizada conforme as normas da ABNT. O projeto deverá ser redigido de acordo com o padrão culto de linguagem e, no caso do Mestrado em Literaturas de Expressão Inglesa, deverá ser redigido em inglês. Neste caso, a Bibliografia poderá seguir tanto as normas ABNT quanto as da MLA. Nota mínima exigida nesta etapa: 70 (setenta).
V.2) Segunda etapa: Prova escrita eliminatória de acordo com programa indicado pelo Colegiado e relacionado no Anexo I deste edital. Nota mínima exigida nesta etapa: 70 (setenta).
V.3) Terceira etapa: Prova oral eliminatória, em que o candidato será argüido sobre aspectos teóricos, conceituais e metodológicos do seu projeto de dissertação, levando-se em conta as instruções do Colegiado do Programa para a elaboração de projetos de dissertação, instruções essas já apresentadas na descrição da primeira etapa do Exame de Seleção em questão, no início do item V deste Edital. Nota mínima exigida nesta etapa: 70 (setenta).
V.4) Quarta etapa: Avaliação do curriculum vitae do candidato, de caráter classificatório, com atribuição de nota, em que serão pontuados os itens exigidos no modelo de curriculum aprovado pelo Colegiado do Programa e disponível em sua página web (www.letras.ufmg.br/poslit), a saber: formação acadêmica/titulação – 70 pontos; pesquisas concluídas – até 20 pontos; trabalhos publicados – até 10 pontos.
Os candidatos serão aprovados de acordo com o número de vagas oferecidas pelo Programa, discriminadas neste Edital, e serão classificados em ordem decrescente, de acordo com a média ponderada dos resultados obtidos na primeira, segunda, terceira e quarta etapas, tendo as provas da primeira, segunda e terceira etapas peso 2 (dois), e a da quarta etapa, peso 1 (um). Havendo empate, serão consideradas as notas isoladas das seguintes provas em ordem de prioridade: 1ª. Prova oral; 2ª. Prova escrita. Persistindo o empate, será levada em conta a nota atribuída ao curriculum vitae do candidato.

VI) O Exame de Seleção para o DOUTORADO constará de quatro etapas.
VI.1) Primeira etapa: Avaliação eliminatória dos projetos iniciais de tese, por banca examinadora designada pelo Colegiado e composta por três membros. Essa avaliação levará em conta as instruções do Colegiado do Programa para a elaboração de projetos de Doutorado, a saber: vinculação adequada a uma das Áreas de Concentração e a uma das Linhas de Pesquisa do Programa: Justificativa contendo uma delimitação clara do tema a ser estudado e as razões de sua escolha, uma revisão da literatura científica pertinente ao tema, a indicação do interesse ou relevância do estudo proposto para o desenvolvimento dos estudos literários em geral, ou para melhor conhecimento de um de seus aspectos em particular, ou ainda para aplicações práticas a problemas da realidade brasileira, além de apresentar uma proposta necessariamente original; Objetivos (metas) claramente expressos e desdobrados em gerais e específicos, se necessário; Metodologia contendo o referencial teórico-crítico da pesquisa, cuidadosamente elaborado, e a explicitação da(s) linha(s) teórica(s) de abordagem do corpus ou objeto de estudo; as etapas metodológicas, com a discriminação das técnicas e procedimentos que deverão ser adotados no tratamento do assunto, em cada etapa do trabalho; em síntese, as diferentes linhas de ação propostas para se atingirem os objetivos; Plano, com a enumeração e descrição, na ordem provável, dos capítulos em que o tema poderá desdobrar-se; Cronograma para a execução do projeto de tese, observado o prazo máximo de 48 meses para o Doutorado, incluindo-se aí todos os requisitos regulamentares exigidos para a conclusão do curso; Bibliografia utilizada para a elaboração do projeto (conteúdo e metodologia), organizada conforme as normas da ABNT. O projeto deve ser redigido de acordo com o padrão culto de linguagem.  Nota mínima exigida nesta etapa: 70 (setenta).
VI.2)  Segunda etapa: Prova escrita eliminatória, que avaliará a capacidade de elaborar ensaio acadêmico em que conste uma reflexão sobre textos teórico-críticos ou textos literários, fornecidos pela banca no momento do exame. Os textos versarão sobre um mesmo tópico, referente a conhecimento básico de cada área de concentração. A avaliação levará em conta a capacidade de comparar e contrastar os textos apresentados, bem como a clareza de raciocínio e expressão, concatenação de idéias, poder de síntese e de conclusão. Nota mínima exigida nesta etapa: 70 (setenta).
VI.3) Terceira etapa: Prova oral eliminatória, em que o candidato será argüido sobre aspectos teóricos, conceituais e metodológicos do seu projeto de tese, levando-se em conta as instruções do Colegiado do Programa para a elaboração de projetos de tese, instruções essas já apresentadas na descrição da primeira etapa do processo seletivo em questão, no início do item VI deste Edital. Nota mínima exigida nesta etapa: 70 (setenta).
VI.4) Quarta etapa: Avaliação do curriculum vitae do candidato, de caráter classificatório, com atribuição de nota, em que serão pontuados os itens exigidos no modelo de curriculum aprovado pelo Colegiado do Programa e disponível em sua página web (www.letras.ufmg.br/poslit), a saber: formação acadêmica/titulação – até 70 pontos; trabalhos publicados – até 30 pontos. Os trabalhos publicados apresentados pelos candidatos serão avaliados no mérito.
Os candidatos serão aprovados de acordo com o número de vagas oferecidas pelo Programa, discriminadas neste Edital, e serão classificados em ordem decrescente, de acordo com a média ponderada dos resultados obtidos na primeira, segunda, terceira e quarta etapas, tendo as provas da primeira, segunda e terceira etapas peso 2 (dois), e a da quarta etapa, peso 1 (um).  Havendo empate, serão consideradas as notas isoladas das seguintes provas em ordem de prioridade: 1ª. Prova oral; 2ª. Prova escrita. Persistindo o empate, será levada em conta a nota atribuída ao curriculum vitae do candidato.

VII) Observações válidas para todas as áreas de concentração do Mestrado e do Doutorado: a) O projeto inicial de dissertação e o projeto inicial de tese não poderão conter o nome do candidato, nem qualquer indicação de autoria. b) Cada candidato terá direito a apresentar somente um projeto inicial de dissertação ou um projeto inicial de tese, devendo se inscrever em uma área de concentração e em uma linha de pesquisa específicas.  O projeto inicial de dissertação e o projeto inicial de tese deverão ser entregues em três vias impressas e grampeadas, digitados com fonte times new roman, tamanho 12, espaçamento 1,5 e poderão ter, no máximo, 15 páginas, incluindo a bibliografia. Não acrescentar anexos. c) O(s) idioma(s) para a(s) prova(s) de língua estrangeira instrumental deverá(ão) ser escolhido(s) dentre os seguintes: Inglês, Francês, Espanhol, Italiano e Alemão. d) As bancas examinadoras de avaliação dos projetos, das provas escritas, das provas orais e da avaliação do curriculum serão constituídas por professores do Programa e compostas por três membros, cada uma. e) As provas escritas da segunda etapa da seleção para o Mestrado e para o Doutorado terão duração máxima de quatro horas e não trarão a identificação do candidato, ou seja, o candidato colocará apenas o seu número de inscrição na prova e não poderá assiná-la nem escrever seu nome na mesma. f) O candidato poderá ter acesso às provas por ele realizadas, após a divulgação do resultado final do Exame de Seleção, previsto para 12/12/2007, dentro do prazo de recurso (10 dias corridos, contados a partir da data de divulgação do resultado).

VIII) O registro inicial dos candidatos aprovados (preenchimento obrigatório de ficha cadastral na Secretaria do Pós-Lit) deverá ser efetivado pessoalmente ou por procuração, em data a ser marcada pela Secretaria do Programa e divulgada na página web do Programa: www.letras.ufmg.br/poslit. Conforme Art. 40 do Regimento Geral da UFMG, “é vedado o registro acadêmico simultâneo em mais de um curso de graduação, de pós-graduação, ou de ambos os níveis”.

IX) As matrículas dos aprovados serão feitas mediante comprovação da contribuição ao Fundo de Bolsas, ou de sua isenção, no período a ser definido no calendário letivo da UFMG para 2008.

X) Os resultados parciais e o resultado final não serão, em hipótese alguma, fornecidos por telefone, fax, e-mail, devendo os candidatos, inclusive os de outras cidades, consultar os resultados que serão afixados na Secretaria do Programa e divulgados na página web do Programa: www.letras.ufmg.br/poslit. A documentação dos candidatos reprovados, se não for procurada no prazo máximo de 30 dias após a divulgação dos resultados, será incinerada. A íntegra deste edital se encontra disponível na Secretaria do Programa e em sua página web: www.letras.ufmg.br/poslit.

Belo Horizonte, 09 de julho de 2007.

Profa. Dra. Ana Maria Clark Peres
Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos Literários da UFMG.

 

Edital do Exame de Seleção 2008 (pdf)

 

ANEXO I:
EXAME DE SELEÇÃO 2008 - PROGRAMAS E BIBLIOGRAFIAS PARA O MESTRADO

1. LITERATURA BRASILEIRA:

1. O narrador em Joaquim Manoel de Macedo: A luneta mágica
2. Carlos Drummond de Andrade: história, cidade e poesia em “Selo de Minas” (in: Claro enigma)
3. Violência e erotismo em Dalton Trevisan: Macho não ganha flor
4. O herói trágico em Dias Gomes: O pagador de promessas
5. Intertextualidade e memória em Carlos Heitor Cony: Quase memória

Observações para a área de concentração LITERATURA BRASILEIRA:
- A bibliografia teórico-crítica ficará a cargo do candidato.
- A prova escrita, sobre o ponto sorteado do programa, terá duração máxima de quatro horas, sendo a primeira hora para consulta do(s) livro(s) objeto de análise e da bibliografia teórico-crítica trazida pelo candidato, aí não compreendidos os fichamentos. Durante a elaboração da prova, poderão ser utilizadas apenas as anotações feitas durante o período de consulta e o(s) livro(s) objeto de análise.

 

2 - LITERATURAS DE EXPRESSÃO INGLESA:

Programa:

a) William Shakespeare's Much Ado About Nothing
b) Elizabeth Barrett Browning's Sonnets from the Portuguese
c) Thomas Pynchon's The Crying of Lot 49
d) Cleanth Brooks's “The Language of Paradox”

Observações para a área de concentração LITERATURAS DE EXPRESSÃO INGLESA:
- A bibliografia teórico-crítica ficará a cargo do candidato.
- A prova escrita, sobre o ponto sorteado do programa, terá duração máxima de quatro horas, sendo a primeira hora para consulta do texto literário e da bibliografia teórico-crítica trazida pelo candidato, aí não compreendidos os fichamentos. Durante a elaboração da prova, poderão ser utilizadas apenas as anotações feitas durante o período de consulta e o texto literário.

 

3 - TEORIA DA LITERATURA:

Programa:
1) O lugar da teoria da literatura nos estudos literários
Bibliografia indicada: COMPAGNON, Antoine. O demônio da teoria: literatura e senso comum. Trad. Cleonice Paes Barreto Mourão e Consuelo Fortes Santiago. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2001.

2) O lugar do intelectual na contemporaneidade
Bibliografia indicada: MARGATO, Izabel; GOMES, Renato Cordeiro (Org.). O papel do intelectual hoje. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2004.

3) O lugar do cânone nos estudos literários
Bibliografia indicada: CALVINO, Italo. Por que ler os clássicos? Trad. Nilson Moulin. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

4) A literatura e a expressão da diferença
Bibliografia indicada: GLISSANT, Édouard. Introdução a uma poética da diversidade. Trad. Enilce Albergaria Rocha. Juiz de Fora: Editora UFJF, 2005.

5) A literatura e a representação da realidade
Bibliografia indicada: LIMA, Luiz Costa. Mimesis: desafio ao pensamento. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2000.

Observações para a área de concentração TEORIA DA LITERATURA:
- Na realização da prova escrita, espera-se que o candidato, além da bibliografia indicada, demonstre ter pesquisado outras fontes bibliográficas relativas aos tópicos do programa.
- A prova escrita, sobre o ponto sorteado do programa do programa, terá duração máxima de quatro horas, sendo permitida, durante a primeira hora, consulta a textos teóricos, aí não compreendidos os fichamentos. Somente as anotações feitas no decorrer do período de consulta poderão ser utilizadas na elaboração da prova.

 

4 - ESTUDOS CLÁSSICOS:

1. Literatura Grega

  • Homero, Odisséia VIII, 474-498;
  • Safo, fr. 31 Lobel-Page (Phaínetaí moi);
  • Eurípides, Bacantes 917-929;
  • Longino, Do sublime X, 1-3.

Bibliografia sugerida
BOMPAIRE, J. Le pathos dans le Traité du Sublime. Revue des études grecques, n. 86, p. 323-343, 1973.
BRANDÃO, J. L. Antiga Musa: arqueologia da ficção. Belo Horizonte: Faculdade de Letras, 2005.
FOLEY, H. The masque of Dionysus. Transactions of the American Philological Association, n. 110, p. 107-133, 1980.
GREENE, E. (Org.). Reading Sappho: contemporary approaches. Berkeley: University of California Press, 1996.
FONTES JÚNIOR, J. B. A persuasão, o desejo, a saudade. In: ________. Eros, tecelão de mitos: a poesia de Safo de Lesbos.São Paulo: Estação Liberdade, 1991. p. 131-171.
PIGEAUD, J. Introdução. In: LONGINO. Do sublime. Tradução de Filomena Hirata. São Paulo: Martins Fontes, 1996. p. 9-39.
SEGAL, C. The Phaeacians and the Symbolism of Odysseus' Return. Arion, n. 1, p. 17-64, 1962.
SEGAL, C. Metatragedy, art, illusion, imitation. In: _____________. Dionysiac poetics and Euripides’ Bacchae. Princeton: Princeton University Press, 1997.
SEIDENSTICKER, B. Sacrificial Ritual in the Bacchae. In: Boersock, G. W.; Burkert, W.; Putnam, M. (Org.). Arktouros: Hellenic Studies presented to B. Knox on the occasion of his 65th birthday. Berlin/New York: Walter de Gruyter, 1979. p. 181-190.

2. Literatura Latina

  • Cícero, De Oratore, I, V, 16-19; I, VI, 20-23;
  • Plauto, Amphitruo (Prólogo, 17-63);
  • Tácito, Annales, I, 9-19;
  • Virgílio, Bucólica VI.

Bibliografia sugerida:
ANDEERSON, W.S. Plautus’ mastery of comic language. In: SEGAL, E. (Org.). Oxford Readings in Menander, Plautus, and Terence. Oxford: Oxford University Press, 2001.
BEACHAM, R. C. The famous comic playwrights of Rome. The roman theatre and its audience. London: Routledge, 1995. p. 27-55.
BEARE, W. The Roman stage. London: Methuen, 1950.
CHIAPPETTA, Angélica. Alguns usos da escrita segundo Brutus 91-94. Classica, v. 13/14, p. 343-350, 2000/2001.
DUPONT, F. Plaute: mimicus risus. In: __________. L’acteur-roi.Paris: Les Belles Lettres, 1985. p. 345-364.
FANTHAM, E. The Roman World of Cicero’s De Oratore. Oxford: Oxford University Press, 2004.
FRANKO, G. F. Ensemble scenes in Plautus. American Journal of Philology, v. 125, n. 1, 2004.
KEITEL, E. Sententia and Structure in Tacitus Histories 1.12-49. Arethusa, v. 39, n. 2, 2006.
MENDES, J. P. Construção e arte das Bucólicas de Virgílio. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1985.
QUINTILIEN. Institution oratoire. Livre X, XXXI-XXXIV. Texte établi et traduit par J. Cousin. Paris: Les Belles Lettres, 1976.
VIRGÍLIO. Bucólicas. Tradução de Raimundo Nonato de Carvalho. Belo Horizonte: Crisálida, 2005.
WOODMAN, A.J. Mutiny and Madness: Tacitus 1.16-49. Arethusa, v. 39, n. 2, 2006.

Observações para a área de concentração ESTUDOS CLÁSSICOS:
- A prova versará sobre um dos textos indicados, devendo o candidato, a partir do original grego ou latino, dissertar sobre as questões formuladas, por escrito, pela banca.
- A prova escrita, sobre o ponto sorteado do programa, terá duração máxima de quatro horas, sendo permitida, durante a primeira hora, consulta a textos teóricos, aí não compreendidos os fichamentos. Será permitida, durante a prova, a utilização tanto de anotações feitas no decorrer do período de consulta, quanto de dicionário e gramática.

Voltar