Vozes-Mulheres 

                      Conceição Evaristo

A voz de minha bisavó
ecoou criança
nos porões do navio.
Ecoou lamentos
de uma infância perdida.

A voz de minha avó
ecoou obediência
aos brancos-donos de tudo.

A voz de minha mãe
ecoou baixinho revolta
no fundo das cozinhas alheias
debaixo das trouxas
roupagens sujas dos brancos
pelo caminho empoeirado
rumo à favela

A minha voz ainda
ecoa versos perplexos
com rimas de sangue
        e
        fome.

 

A voz de minha filha
recolhe todas as nossas vozes
recolhe em si
as vozes mudas caladas
engasgadas nas gargantas.

A voz de minha filha
recolhe em si
a fala e o ato.
O ontem – o hoje – o agora.
Na voz de minha filha
se fará ouvir a ressonância
O eco da vida-liberdade.
   
(In: Poemas de recordação e outros movimentos, 3.ed., p. 24-25)

 


LIVROS E LIVROS

Ficção

Cadernos Negros 38 - contos afro-brasileiros
  "Estamos no limiar de um novo tempo.Tempo de Áfricavida nova, mais justa e mais livree,inspirados por ela,renascemosarrancando as máscaras brancas,pondo fim à imitação.Descobrimosa lavagem cerebral que nos poluíae estamos assumindonossa negrurabela e forte. As diferenças de estilo,concepções de literatura,forma,nada disso pode mais serum muroerguido entre aquelesque encontram na poesiaum meio de expressão negra.Aqui se tratada legítima defesados valores do povo negro.A poesia como verdade,testemunhado nosso tempo." Cadernos Neg...

Poesia

Eliane Marques - E se alguém o pano
A satisfação de escrever a apresentação para um livro que é do agrado do prefaciador muitas vezes é acompanhada da suspeição de terceiros. Com efeito, tendo em vista a presente obra, alguns dirão, por exemplo, que sou suspeito ou estou implicado nas análises da poesia de Eliane Marques, porque já há algum tempo venho acompanhando os desdobramentos construtivos de E se alguém o pano, conjunto que agora se oferece ao leitor. Ao longo desse percurso estabeleci um raro diálogo com a poeta e suas específicas propostas textuais. Assim, é...

Ensaio

Conceição Evaristo-Voz(es)da escrevivência Constância
Apesar das acontecências do banzohá de nos restar a crençana precisão de vivere a sapiente leituradas entre-falhas da linha-vida. Conceição Evaristo.   Uma escritora que a cada novo livro amplia sua presença na cena literária brasileira contemporânea, e consolida projeção internacional, assim é Conceição Evaristo. Seu nome já há alguns anos é regularmente citado nos eventos acadêmicos, e sua produção, constituída de poemas, contos, romances e ensaios, em parte já traduzida para o inglês, ...

Infantojuvenil

Édimo de Almeida Pereira - O mercador de sorrisos
Sou formada em História. Desse modo, toda minha experiência como professora da Educação Básica se deu em turmas dos ensinos Fundamental II e Médio. Recentemente, passei a olhar com mais atenção o universo da Educação Infantil, uma vez que tenho me dedicado à Formação Inicial e Continuada de Professores. Sempre que falo sobre racismo e infância, busco chamar atenção para o que a pesquisadora Eliane Cavalleiro chamou de “apedrejamento moral”: conjunto de violências físicas e simbólicas que meninos ...

Memória

Clarice Fortunato – Da vida nas ruas ao teto dos livrosMistérios de uma nova Clarice   Simone Pereira Schmidt* A poderosa escrita de Clarice me atingiu em cheio. Lembro-me perfeitamente da noite em que seu texto me chegou de Exeter, na Inglaterra, onde ela estava realizando parte do seu doutorado. Quando comecei a ler sua história, fui sendo tomada pela surpresa e emoção. Nos conhecíamos havia muitos anos; como pode uma pessoa com quem convivemos há tanto tempo desvelar diante de nós, assim de repente, a narrativa de uma vida de que sequer suspeitávamos? Minha primeira lembrança de Clarice são seus olhos, inquietos, curiosos, assustados. Se me ...

Newsletter

Cadastre aqui seu e-mail para receber periodicamente nossa newsletter e ficar sempre ciente das novidades.

 

Instagram

 

YouTube